Zona arqueológico de Teotihuacan México

Teotihuacán México: como ir, significado, história e pirâmides

Se você vai para a Cidade do México, não pode deixar de conhecer as Ruínas de Teotihuacán, uma importante cidade pré-hispânica da Mesoamérica. Confira neste artigo tudo sobre essa incrível Zona Arqueológica onde viveram os astecas: como chegar, histórias, pirâmides, clima, dicas e mais! 

Onde ficam as Ruínas de Teotihuacan?

As Pirâmides de Teotihuacan estão localizadas na cidade de San Juan Teotihuacan de Arista, no Estado do México, a 48km da Cidade do México.

Anteriormente a cidade pré-hispânica de Teotihuacan foi um centro urbano da Mesoamérica pré-colombiana.


Ruínas de Teotihuacan México

Como ir da Cidade do México para as Ruínas de Teotihuacan?

Se você deseja ir para as Ruínas de Teotihuacán saindo da Cidade do México, confira 3 maneiras de chegar lá:

Ônibus: para chegar de ônibus, você deverá ir até o Terminal de Autobuses del Norte, que fica na estação de metrô de mesmo nome, na linha 5 (amarela). Chegando lá encontre o Portão 8 e informe-se sobre qual é o primeiro ônibus que sairá em direção às Ruínas de Teotihuacan. Quando entrar no ônibus, avise ao motorista que você vai descer nas pirâmides. O valor do ônibus é 55 pesos e leva cerca de 1 hora para chegar. 

Carro alugado: uma opção boa para quem viaja em até 5 pessoas é alugar um carro na Cidade do México. Para ir de carro é bem simples, basta pegar a México – Pachuca 85D e depois a México 132D até Teotihuacán. Também há acesso pelas rodovias México-Tuxpan e Arco Norte, além da rodovia gratuita México-Teotihuacan. A viagem leva cerca de 50 minutos. 

Passeio com agências: a maneira mais prática de ir até Teotihuacan é com alguma agência. O bom é que geralmente tem tudo incluído, desde o transporte, ingressos, guia e até almoço. Às vezes eles até incluem alguma outra parada. Veja algumas opções de tour e reserve online para garantir sua vaga:

Curte as minhas dicas? Segue lá no Insta: @olhosdeturista

Também quer dicas sobre a Cidade do México? Então leia o artigo com dicas de o que fazer na Cidade do México!

Qual é o significado de “Teotihuacan”?

O nome Teotihuácan significa “lugar onde os deuses foram feitos” ou “a cidade onde os homens se tornam deuses”. 

vista da Pirâmide da Lua

A origem do nome é nahuatl e foi usado pelos mexicas, também conhecidos como astecas. 

Infelizmente não sabe-se qual foi o nome original dado a cidade por aqueles que a construíram, apenas esse que foi nomeado pelos astecas.  

Como é o clima em Teotihuacan México?

O clima em Teotihuacán é agradável, nem muito quente, nem frio. No entanto é bom evitar o Sol do meio dia, que pode ser bem cruel, especialmente para quem deseja subir as pirâmides e terá mais dificuldades de fazê-lo se estiver muito quente. 

Dessa forma, eu recomendo chegar cedo para pegar o clima mais ameno. Além disso, você ainda se beneficiará de poder visitar as ruínas com menos turistas, já que o horário de pico começa por voltas das 10h. 

Quanto custa a entrada do Sítio Arqueológico de Teotihuacan?

O valor cobrado para entrar em Teotihuacán é de 80 pesos. Além disso, caso você queira entrar com filmadora ou tripé, será cobrado um valor extra de 50 pesos. O estacionamento também é cobrado a parte, custando 45 pesos. 

Se desejar um guia, você pode contratar um dos guias que ficam nas portas de acesso. O tour em espanhol custa cerca de 600 pesos, no entanto o guia em inglês custa quase o dobro do valor, cerca de 1100 pesos. Esse é o valor cobrado pelo serviço, independe do número de pessoas no seu grupo, então se for o caso vocês podem dividir os gastos.

O horário de funcionamento do sítio arqueológico é de Segunda a Domingo, das 9h às 17h.

História de Teotihuacan México

A cidade pré-hispânica de Teotihuacán foi um dos maiores centros urbanos do mundo antigo, chegando a atingir uma população de mais de 100 mil habitantes.

Sítio Aqueológico asteca

No entanto não para por aí, Teotihuacán também foi sede do poder de uma das sociedades mais influentes da mesoamérica, tanto em relação a política, religião, economia e cultura.Grande razão desse poder era devido a sua localização, junto a diversos recursos naturais. 

Não sabe-se qual foi o povo que originou e construiu a cidade, mas tudo indica que ela foi encontrada vazia pelos astecas, que passaram a habitá-la.

Com a ocupação espanhola, o local passou a ser estudado e até hoje pesquisadores do México e do mundo todo exploram e estudam o complexo. 

Em 1987 a Zona Arqueológica de Teotihuacán foi reconhecida como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO, sendo o primeiro local do México a receber esse título. 

Pirâmides de Teotihuacan México 

A forma como você vai explorar Teotihuacán vai depender muito de em qual dos portões você entrará, porque existem 5 portas, distribuídas ao longo do sítio.

Sítio Arqueológico Teotihuacan México

Todas as entradas possuem bilheteria, estacionamento e lojinhas artesanais. Se você for de ônibus, irá descer na Puerta 1, que fica no extremo Sul do complexo.

Nas portas 2, 3 e 5 há vagas para deficientes e na porta 3 há rampas de acesso para pessoas com cadeira de rodas ou dificuldades de locomoção.

Não deixe de conhecer os principais monumentos e pirâmides de Teotihuacán:

Pirâmide del Sol

Se você for acessar as Ruínas de Teotihuacan pela Puerta 2, começará sua visita com chave de ouro: de cara para a principal pirâmide do sítio! 

Pirâmide do Sol

A Pirâmide do Sol tem 70 metros de altura e cada lado dela tem 225 metros de comprimento. Ela é considerada a segunda maior pirâmide do México e a terceira maior do mundo.

Como todo o edifício é composto por 5 níveis e 248 degraus íngremes, não é uma subida considerada fácil, mas sem dúvidas a vista compensa muito. A visão do topo é fantástica, sendo possível enxergar todo o sítio.  

Pirâmide del Sol Teotihuacan

Há também um túnel em frente a pirâmide que era provavelmente conectado com a caverna que tem sob ele, o que levanta a crença de que essa construção foi um templo de adoração ao deus da água. Aliás, a água era um elemento muito importante para eles, assim como as cavernas, que simbolizam uma abertura para o submundo.

A Pirâmide do Sol pesa cerca de dois milhões de toneladas e calcula-se que foram necessárias 3 décadas para finalizar a construção dela. 

Em frente a pirâmide, fica a praça com mesmo nome, essa praça está ligada a Calzada de los Muertos, que conecta toda a zona arqueológica.  

Pirâmide de la Luna

A Pirâmide da Lua, segunda maior pirâmide de Teotihuacan, tem 45 metros de altura e 45 metros de cada lado dela. 

Pirâmide da Lua Ruínas de Teotihuacan México

Apesar de não ser tão alta como a Pirâmide do Sol, eu achei a vista dela melhor, porque como ela está no extremo norte do sítio arqueológico, dá para ver o complexo todo do topo dela, inclusive a Pirâmide do Sol. Outro lado bom é que a subida ao topo dela requer menos esforço físico. 

Pirâmide da Lua Teotihuacan México

Em frente a ela fica a Plaza de la Luna, que era usada para cerimônias públicas. Além da Pirâmide da Lua, há mais 12 pirâmides menores ao redor da praça.

Calzada de los Muertos

A Calzada de los Muertos é a principal avenida da antiga cidade asteca. Presente de uma ponta a outra do sítio arqueológico, ela tem 2km de extensão. Inicia na Pirâmide da Lua e vai até a Cidadela, além de passar pela Pirâmide do Sol. 

Calçada dos Mortos Ruínas Teotihuacan México

Pirámide de la Serpiente Emplumada (Templo de Quetzalpapálotl)

A Pirâmide da Serpente Emplumada, também conhecida como Templo de Quetzalcóatl fica no final da Calçada dos Mortos, junto a Cidadela. Entre os templos menores, ela é a que mais se destaca. 

Pirâmide de la Sierpiente Emplumada

A Pirâmide da Serpente Emplumada leva esse nome, porque é decorada com serpentes emplumadas esculpidas, junto com crocodilos, conchas, caracóis e ondas do mar. O mais legal desse templo é que ele está bem preservado e dá para ver muitos detalhes de sua arquitetura.

La Ciudadela

A Ciudadela é um complexo de cerca de 650 metros (cada lado) com 15 templos em torno da Pirâmide da Serpente Emplumada, que também faz parte do complexo. 

La Ciudadela Ruínas de Teotihuacán

Além das pirâmides, a Ciudadela também tem outros tipos de ruínas, que podem ter sido residências de padres e governantes de Teotihuacán. 

Museu de Teotihuacán

O sítio arqueológico também conta com alguns museus e o destaque fica para o Museu de Teotihuacan. Já que nele você consegue aprender mais sobre a história de Teotihuacan, sobre as fases de construção da cidade e conferir peças e esculturas encontradas nas escavações. 

Palácio de Quetzalpapálotl

Além do Templo de Quetzalpapálotl, Teotihuacán também tem um palácio com nome parecido: o Palácio de Quetzalpapálotl.

Tudo indica que era lá que morava a elite sacerdotal da cidade, por ser um local bem luxuoso e com decorações que representavam o culto a divindades. 

Ele está localizado próximo a Plaza de la Luna, praticamente na entrada da porta de acesso 3. 

Outras formas de conhecer as Ruínas de Teotihuacan

Se você quer conhecer Teotihuacan de forma não convencional, aposto que vai gostar de saber sobre essas duas formas bem legais:

Passeio de balão

Um jeito bem diferente de conhecer a Zona Arqueológica de Teotihuacán é amanhecendo sob a cidade, na altura das nuvens, a bordo de um balão.

balão Teotihuacan México

Nesse passeio você além de ter a visão de cima das pirâmides, você ainda toma champanhe enquanto admira a vista. Depois de retornar para terra firme, o grupo toma café da manhã em um restaurante e vai explorar as ruínas de perto. Confira os preços e detalhes desse passeio:

Apresentação noturna em Teotihuacán

Todo ano há uma temporada em que ocorre uma experiência noturna em Teotihuacán. Trata-se de um show multimídia em uma rota de 500 metros pela Calzada de los Muertos, no trecho da Pirâmide do Sol até a Pirâmide da Lua. Após a caminhada, acontece uma apresentação de 30 minutos na Plaza del Sol. 

Quando a temporada está aberta, os shows acontecem toda quinta, sexta, sábado e segunda. No entanto, para verificar se haverão apresentações quando você estiver na cidade, confira o site da ticketmaster.com.mx ou o site abaixo. Se desejar ir ao show, terá que comprar o seu ingresso online, já que eles não vendem na bilheteria. 

Dicas gerais sobre as Ruínas de Teotihuacan México

  • Não deixe de levar garrafinha de água, protetor solar, óculos de Sol e tênis confortável. Você vai andar bastante, além disso dependendo da hora e do dia, pode fazer muito calor;
  • Para não passar sufoco com a temperatura e a quantidade de turistas, procure chegar o quanto antes na Zona Arqueológica;
  • Evite ir aos finais de semana, principalmente aos Domingos, quando a visita é grátis para os mexicanos e as filas podem ficar bem longas;
  • Há opções de restaurantes na entrada do sítio, mas não há nada para comer lá dentro. Por isso eu recomendo levar algumas coisinhas para beliscar;
  • Fique atento às regras do sítio, como não tocar e não usar flash em pinturas e esculturas.

Também vai conhecer as Ruínas de Chichén Itzá? Então leia esse guia completo de Chichén Itzá

E aí gente, gostaram dessas dicas sobre as Ruínas de Teotihuacan México?

Se tiver alguma dúvida me manda um DM lá no @olhosdeturista, assim eu respondo rapidinho!

Curtiu as dicas e não quer perder esse artigo? Então salva a imagem abaixo no teu Pinterest para acessar esse post sempre que precisar! ♥

Ruínas de Teotihuacan México

2 comentários em “Teotihuacán México: como ir, significado, história e pirâmides”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima